O senador Flávio Bolsonaro, do PSL do Rio de Janeiro, distribui nota sobre a quebra de seu sigilo fiscal autorizada pela Justiça sobre o caso envolvendo seu ex-assessor