PT quer proibir faixas que chamam Lula de ‘ladrão’ e ‘cachaceiro’

O PT recorreu à Justiça para proibir que aviões subam aos céus levando faixas com ataques contra o ex-presidiário Lula, condenado nos processos do Tríplex do Guarujá (cumpriu pena em Curitiba) e do Sítio de Atibaia.

O alvo da ação judicial é o empresário Luciano Hang, dono da Havan, que patrocinou sobrevoos no litoral catarinense com os dizeres “Lula cachaceiro, devolve o meu dinheiro” e “Lula ladrão, seu lugar é na prisão”.

Deixe seu comentário