Deputado-médico diz que há evidente exagero de informações para criar pânico sobre coronavírus

Deputado-médico diz que há evidente exagero de informações para criar pânico sobre coronavírus

O deputado federal Osmar Terra, que é médico, afirma que há “evidente exagero das informações para criar pânico em relação ao coronavírus” e que “medidas como suspensão de aulas e quarentena total são de cunho político, sem respaldo de evidência científica”.

Osmar Terra diz que se trata de “uma pandemia como as outras que ocorreram nas últimas décadas, e com uma mortalidade igual ou menor”. O deputado considera “importante dizer que mais de 90% das pessoas com a virose não precisarão de hospital”.

O parlamentar insiste que “não é caso de suspender aulas e parar a atividade econômica”. Ele defende que sejam observadas as “orientações do Ministério da Saúde”, que ele considera que “está conduzindo com muita responsabilidade o enfrentamento ao coronavírus”.

Leia também: Imprensa quer quebrar o país e culpar Bolsonaro

Print Osmar Terra

“Com experiência de quem conduziu o enfrentamento a várias epidemias, inclusive a pandemia do H1N1, posso afirmar que assustar a população é muito mais fácil e dá mais repercussão do que dar a informação correta, baseada em evidências científicas, para realmente controlar o contágio”, disse o deputado-médico em novo post no Twitter.

Deixe seu comentário