Cirurgia de Bolsonaro já dura 7 horas

A operação para retirar a bolsa de colostomia e regular o trânsito intestinal do presidente Jair Bolsonaro começou por volta das 6h30min.

A operação para retirar a bolsa de colostomia e regilar o trânsito intestinal do presidente Jair Bolsonaro começou por volta das 6h30min, de acordo com a assessoria de imprensa da Presidência da República. A previsão inicial era que o procedimento se encerrasse em três horas, mas às 14h30min ainda não havia terminado.

Bolsonaro chegou a São Paulo neste domingo (27), passou por uma avaliação clínica, foi submetido a exames laboratoriais e de imagem no hospital, e teve a cirurgia de retirada da bolsa de colostomia e reconstrução do trânsito intestinal confirmada.

Nos últimos meses, Bolsonaro ficou com a bolsa de colostomia junto ao corpo devido à facada que recebeu de Adélio Bispo de Oliveira durante caminhada na campanha eleitoral antes do segundo turno das eleições. A bolsa serve para encaminhar as fezes e os gases do intestino grosso para fora do corpo, na região abdominal. Esta é a terceira cirurgia à qual Bolsonaro é submetido desde o ataque.